quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Um Deus de amor muito maior que a minha dor

Fazenda Nova Aurora em Juquitiba


"Mas com tudo o que passei, hoje um pouco mais eu aprendi, pois se um dia eu só chorei hoje de verdade esperança encontrei. Jesus me alcançou, e mesmo embriagada, envenenada Ele me aceitou, usou pessoas com missão para me dar uma mão e me falar do Seu perdão; não vou dizer que de imediato tudo mudou, pois passar pelas ruas não é o que de pior pode acontecer, e sim ela passar por você, ela massacra ao permanecer, 'mas aí', hoje eu posso sorrir, pois mesmo tendo muito o que aprender, hoje eu sei pra Quem eu posso correr: é para um Deus de amor, muito maior que a minha dor."


Foram com esses versos rimados, que a Janaína testemunhou sua experiência de conversão, e logo após confessou sua fé em Jesus Cristo através do batismo no último domingo, na Fazenda Nova Aurora, da Missão Cena; lá funcionam 3 casas para a recuperação de homens, mulheres e crianças viciadas em drogas, álcool, ou com desvios de conduta (criminalidade, prostituição, etc...). Nós não temos nem palavras para descrever tudo o que Deus tem feito na vida da Jana, que há alguns dias fez sua primeira viagem missionária entre índios no Mato Grosso do Sul, ela e mais duas missionárias da Cena foram convidadas para ensinar artesanato à tribo, que por causa da bebida e más influências tem perdido sua identidade. Isso tudo nos dá forças pra continuar acreditando que Deus realmente pode transformar a vida do travesti, do menino em situção de rua, do viciado e da prostituta, e que enquanto nós vemos uma imagem e semelhança de Deus distorcida e detonada por causa do pecado e do sofrimento, Deus vê filhos e filhas muito amados por Ele e pessoas especiais que Ele pode usar para o engrandecimento do Seu Nome.
Hoje a Janaína vive com a sua nova família em Santo André, estuda, trabalha, luta (ou joga) capoeira, mas não quer ter uma vida normal, quer sim fazer diferença nesse mundo em Nome de Cristo.

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

A segunda chance


Nós aqui do Projeto nos identificamos muito com esse filme pois retrata um pouco de questões comuns à igreja como o assistencialismo, envolvimento de líderes cristãos com a política, a perda de identidade de alguns pastores que iniciam seu ministério com uma boa motivação mas que se perdem com o passar dos anos, e a distância entre cristãos de poder aquisitivo, cultura e até raças diferentes; é claro que por ser um filme americano não é exatamente a nossa realidade, mas tem muitas coisas pra nos ensinar, vale a pena conferir...

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Invasão

Há alguns meses começamos um trabalho em um prédio invadido aqui na rua Mauá, (ao lado da estação da Luz). Realizamos um pequeno culto todas as quartas-feiras à noite para a comunidade, e para as crianças desenvolvemos algumas atividades como: desenhar, pular corda, música, teatro, etc... É impressionante o campo missionário tão amplo que existe em São Paulo (aqui temos de tudo, japoneses, chineses, muçulmanos, excluídos, undergrounds, universitários, artistas, intelectuais, sem teto, sem terra), e com todo respeito aos cantores e músicos realmente chamados por Deus das equipes de louvor das igrejas cristãs'; não consigo entender como é que tem tanta gente que se diz chamada por Deus pra cantar no louvor, e tão poucos (pouquíssimos) chamados para a real missão da igreja que é brilhar a luz de Cristo onde há escuridão. Bem, voltando a invasão... não é bem o que estamos acostumados a fazer, ao contrário do público que encontramos nas ruas, a maioria das pessoas desse prédio são batalhadoras, trabalham e lutam por espaço pra si e pra sua família. Quem desenvolve o trabalho com as crianças, é um casal muito querido do Projeto 242, a Kelly e o Marcelo, eles estão fazendo algo excelente com a "molecada"; e com certeza ficariam felizes com reforços... Fica aí o convite se vc mora em São Paulo, tem as noites de quarta-feira livres e deseja fazer algo pra Reino de Deus entre em contato com a gente... 11 32271155

quinta-feira, 25 de outubro de 2007

Esse é o João, nasceu no último dia 23 e é filho do Elvis e da Bia (missionária do Projeto)

segunda-feira, 15 de outubro de 2007

Nossa família é ainda maior

Creio que cometemos um erro quando falamos que só estava faltando a Joyce na nossa foto de família do Projeto Toque, na verdade nossa família é muito maior, existem pessoas que não estão lá, que são muito importantes pra nós: Carolina, Adriana, Sandro e Mara Baggio, Ricardo (voluntário), Marcelo e Kelly, Michele e Alex, Claudinho e Paula, Bel, Bete, Dani, André e Fátima, Meire e Ricardo, Clóvis, Eliângela, Carlão, todo o pessoal do Projeto 242, Marcos Merce e Patrícia, Pr. Elias, Pr. Clovis e Juliana, Rô Pinilha, Janete, Pr. Ricardo, Dinho, galera do lava rápido e irmãos da Igreja Batista Betesda, Dide e Zé, irmãos da PIB de Piracicaba, irmãos da IBNV em Pira, Pr. Marcílio, Daniel e Cleide, Alessandro e Adriana, São e Tom, Fábio e Claudine, Álvaro e Fernanda, Ana e Wilson, essa postagem tá ficando igual aqueles agradecimentos em capa de CD, enfim, todos que de alguma forma ou em algum dia oraram por nós, nos amaram, nos aguentaram, nos ajudaram, nos sustentaram; vocês fazem realmente parte da nossa família.... Se esqueci de alguém, me avisem....

REPORTAGENS INTERESSANTES SOBRE A BOCA DO LIXO

Esta reportagem foi feita com alguns travestis que conhecemos e mantemos contato:

http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM670681-7823-PROFISSAO+REPORTER+PROSTITUICAO+INFANTIL,00.html

Para quem deseja conhecer um pouco da realidade da cracolândia, região onde atua o Projeto Toque:

http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM653064-7823-TRAFICO+DE+DROGAS+ACONTECE+A+LUZ+DO+DIA+NAS+RUAS+DE+SAO+PAULO,00.html

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

Família Toque- São Paulo



Essa é a nossa família, só falta a Joyce que no momento está cuidando da casa em Piracicaba. Já passamos muitas coisas juntos.... alguns há mais tempo outros chegando agora, mas Deus tem nos feito uma família de verdade; a cada ano temos aprendido juntos o que significa amar, respeitar, honrar (ás vezes brigar também...), lado a lado nas alegrias, tristezas, trabalho, tirando um lazer ou só uma onda, Deus nos deu esse privilégio, talvez seja uma pequena parte da comunhão que teremos no céu. (da esq.-dir. Caê, Elvis, Matheus, Lu, Fê, Bia e João(na barriga), Mari e Pedro, Melanie, Adriano e Artur)

quinta-feira, 27 de setembro de 2007

CD Clamor




O CD Clamor é da Igreja Batista Nova Vida em Piracicaba; as músicas são de autoria de Daniel Borba, ministro de louvor.
Este é o primeiro CD do grupo, que já alcançou uma qualidade musical significativa. Além de um bom repertório musical, as letras nos incentivam a um relacionamento mais profundo e honesto: com Deus; na comunhão cristã e a uma vivência mais coerente do evangelho.
Parte do lucro do CD é destinada ao Projeto Toque.
Se vc deseja contribuir com o projeto através da compra deste CD, entre em contato conosco pelo e-mail:
protoque@hotmail.com ou projetotoque@terra.com.br.

quarta-feira, 19 de setembro de 2007

Cristina

Há mais ou menos uns 5 anos temos visitado um prostíbulo na região central (São Paulo), o 69; um prédio de oito andares usado totalmente para a prostituição. Lá conhecemos a Cristina (mais ou menos 40 anos), que desde o início foi muito receptiva conosco, pois costumava frequentar a igreja.
Vivendo uma vida dupla, ela escondia a verdade das pessoas, principalmente do marido. Todas as vezes que conversamos com ela procuramos aconselhá-la a abandonar a prostituição e a confiar em Deus para cuidar de sua família; ela por sua vez, demonstrava muito interesse e desejo de fazer isso, mas tinha medo de passar necessidade.
Continuamos orando e conversando com a Cristina, que chegou até a ir em nossa casa nos fazer uma visita. O tempo passou e há duas semanas atrás recebemos um telefonema dela, dizendo que havia conversado com o pastor da igreja que estava frequentando e que contou toda a verdade, eles foram muito graciosos com ela, e além de estarem a discipulando, também assumiram algumas despesas de sua casa. Glória a Deus!!! Ela abandonou completamente a prostituição e tem confiado e experimentado a fidelidade e bondade de Deus em sua vida. Como ela mesmo disse: "Me reconciliei com Jesus..."
É nisso que acreditamos: no poder de Deus para salvar, convencer e cuidar aqueles que desejam caminhar com Ele, e também no envolvimento da igreja que é essencial para a transformação do indivíduo. Louvado seja o Nome do Senhor!!!!!

sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Crianças em situação de rua

Na semana passada recebemos A.P.A. em nossa casa de Piracicaba, ela foi encaminhada pela FEBEM aqui da capital (São Paulo), sua idade ainda é desconhecida, assim como onde ela nasceu e quem são seus pais; o que se sabe somente sobre essa moça é que desde que se conhece por gente ela vive nas ruas, ou em abrigos e FEBEM, sem nenhum referencial positivo ou bom, tendo a rua como lar e parceiros de "cachimbo" como família. Existem várias histórias como esta ou até piores. Ter me tornado mãe acentuou ainda mais a indignação contra essa situação; eu amo tanto meu filho, me preocupo 24 horas com seu bem estar, se está alimentado, com dor, feliz, triste, com sede, com cólica,.... enquanto essas crianças e adolescentes estão abandonados a sua própria sorte, isso se tornou comum pra nós brasileiros, nossas crianças abandonadas....; mas não é nada normal ou comum, elas são apenas crianças, influenciadas pelo ambiente eu sei; mas ainda assim tão importantes pra Deus como o meu filho, minhas sobrinhas, minha família, etc... Nem a sociedade e muito menos nós que somos cristãos podemos aceitar isso simplesmente, mas devemos orar para que o Senhor transforme os nossos corações e nos torne sensíveis às necessidades de nosso próximo e que o amor Dele em nossas vidas nos leve a tomarmos uma posição. Responsabilidade social é papel de todo cristão, está na bíblia, na lei mosaica por exemplo, onde criou-se dispositivos para atender aos menos favorecidos dando a estes mais dignidade numa sociedade injusta e egoísta. Fica aí um desafio pra nós, precisamos nos tornar luz na escuridão dispondo nossos dons ou profissões, para que o nome de Cristo seja glorificado e essas pessoas tenham suas vidas restauradas.

sexta-feira, 17 de agosto de 2007

Evangelho:poder de Deus para o que crê

"Não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê..." Rom. 1:16
"Onde está o sábio, onde está o erudito? Onde está o questionador desta era? Acaso não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo? Visto que na sabedoria de Deus, o mundo não o conheceu por meio da sabedoria humana, agradou a Deus salvar aqueles que crêem por meio da loucura da pregação."I Cor.1:20 e 21

Hoje pela manhã meditamos sobre este texto aqui na comunidade, conversamos sobre a necessidade de termos sempre a nossa fé renovada em relação a pregação do evangelho; o mundo está cada vez mais carente, mas ao mesmo tempo mais cético em relação à Cristo e a salvação, e então o que vemos (e até fazemos algumas vezes) é o povo de Deus tentando encontrar meios de tornar o evangelho mais atraente ou aceitável, boa música, prosperidade, e outras coisas...Quem nunca se sentiu um pouco constrangido diante de um ouvinte que pensa ser o evangelho ou a boa nova de salvação um conto de fadas. Paulo encontrou esta mesma dificuldade, pois os judeus queriam os sinais miraculosos e os gregos a sabedoria, então pra eles já naquela época o evangelho era uma loucura ou escândalo (continue lendo o texto de I Cor.1); mas ele não se envergonhava do evangelho pois sabia que era o poder de Deus para salvar todo o que cresse, essa deve ser também a nossa atitude, crer que o evangelho puro e simples está unido ao poder de Deus que pode salvar aquele que crê. Então "ai de nós se não pregarmos o evangelho"...

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Informativo Projeto Toque Agosto 2007

INFORMATIVO PROJETO TOQUE
AGOSTO 2006

“Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, se não tiver amor nada disso me valerá.” I Cor. 13:3

Nos perdoem, pela demora... Muitas mudanças aconteceram no Projeto Toque nos últimos meses, tivemos um ganho de reforços na equipe em São Paulo, o Adriano (que já foi obreiro aqui do Projeto) voltou com a família (Luciana e Artur) e está vivendo na comunidade, junto com o Caetano, Fernanda e Melanie. O Matheus e a Mari também voltaram pra São Paulo com o mais novo membro da família: o Pedro, que está com cinco meses; no lugar deles ficou a Joyce cuidando da casa em Piracicaba.
Como vocês podem ver o Projeto Toque está se multiplicando (literalmente), inclusive a Bia que também é missionária do Toque, está grávida de seis meses, e o pequeno João virá ao mundo até o final de outubro.
Junto com todas essas mudanças vêm novos desafios, um deles é o novo trabalho que estamos realizando em um prédio invadido da rua Mauá, lá vivem mais ou menos 100 famílias, organizadas pelo movimento MSTC (Movimento dos Sem Teto do Centro), para esclarecimento geral, a intenção dessas pessoas não é vandalismo, como muitas vezes a mídia nos transmite, mas ocupar um local até então abandonado e muito estragado, tentando de alguma forma, através de negociações com proprietários e governo, o financiamento dos imóveis, com parcelas acessíveis... No momento realizamos cultos todas as quartas feiras à noite, e a Fernanda começou uma classe de inglês para os adolescentes, estamos com onze alunos.
O trabalho com as mulheres que se prostituem continua, Deus tem nos dado grandes oportunidades de demonstrar Seu amor por elas, ore para que Deus abra portas de empregos, e que aumente a fé dessas mulheres; pois muitas não conseguem deixar a prostituição (a renda familiar depende exclusivamente disso). Estamos visitando os prédios 69 e 134 (oito e nove andares, usados totalmente para esse fim), às segundas feiras; e nas quintas trabalhamos com as que fazem ponto na rua, região da Liberdade, Anhangabaú, e boca do lixo.
Em parceria com a missão Cena, Exército de Salvação e Expedição Mochila continua também o futebol com as crianças (em situação de rua), todas as quartas à tarde, fechamos as atividades sempre com um tempo de oração, palavra, música e um lanche.
E nas sextas feiras visitamos os travestis, a maioria deles vive em grupos, nos apartamentos da região.
Nosso objetivo nesses relacionamentos é poder transmitir o amor de Deus através da pregação da palavra, mas também através de nossas atitudes. Quando as pessoas respondem ao evangelho, tentamos ajudá-las nesse processo, encaminhando-as para casas de recuperação, recebendo-as posteriormente na casa de Piracicaba (mais informações no site:
http://www.projetotoque.org/), no caso das mulheres (que não podem ir para a casa de recuperação), ensinamos a fazer bombons, sabonetes, etc...
A partir deste mês, você poderá também acompanhar mais de perto o que acontece aqui no Projeto, através do Toque Blog, as postagens serão feitas todas as sextas, com informações, experiências nas ruas, pedidos de oração e com alguns devocionais compartilhados nas manhãs aqui do Toque. O endereço é:
http://www.projetotoque.blogspot.com/ .

Pedidos de oração:

· Por Ana Paula, será encaminhada para a casa de Piracicaba.
· Pelos cultos e aulas de inglês para as pessoas da invasão
· Para que Deus continue atuando com Seu poder na vida das pessoas, trazendo libertação das drogas, prostituição, ambição e convertendo genuinamente os corações.
· Por Ana Lucia que voltou para a casa de recuperação (ela está bem...).
· Pelos missionários: Joyce, Adriano, Luciana, Caetano, Fernanda, Beatriz, Melanie, Matheus e Mariana
· Gravidez e parto da Beatriz.
· Pelo Artur e pelo Pedro, para que Deus guarde a saúde e a vida deles de modo geral...
· Pela Adriana, que vive na casa em Piracicaba

Flyer do Projeto Toque by Wellington Augusto


FLYER
O q ta saindo do coração eh a essência de DEUS , ou seja AMOR eh o q o projeto tem pelas vidas se espalhando sobre a cidade

As pombas que seguram a flâmula representam o espírito santo de DEUS q auxilia em todo o processo de recuperação dos excluídos e marginalizados

A Cidade ao fundo escura nos traz para o contexto do centro e a colona ao lado da pomba representa os lugares onde espírito santo quer estar onde ninguém mais quer e onde o projeto quer levar, por isso a pomba se mostra perto dessas vidraças quebradas como se estivesse saindo de dentro daquele prédio

O papel voando representa a palavra de DEUS sobrevoando todos os lugares